Seguidores

sábado, 21 de abril de 2012

Areia do Tempo.....



Nas areias da ampulheta

do tempo,

vejo minha vida

passando.


Cada grão, representa

um momento,

grandes alegrias,

muitas decepções.


Há momentos que agito

a ampulheta, para que

a areia desça, e o tempo

simplesmente desapareça.


Há outros em que

quero que areia pare...

pare no tempo...

aqueles momentos que

quero eternizar.


Quero ainda ter a

chance de explorar,

um enorme deserto,

que eu possa

encher várias ampulhetas

e consiga aprisionar

dentro de uma delas....

a felicidade.




Marilú

15 comentários:

  1. Lindo,Marilu!!A felicidade são pequenos momentos...beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. A felicidade ... momentos , momentos .

    Gosto do texto e também da imagem .

    Um beijo e bom fim de semana

    ResponderExcluir
  3. Querida Marilu
    Este teu lindo poema diz-me tanto!
    Há muitos momentos em que eu, presentemente, gostaria de poder empurrar a areia da ampulheta, para que o tempo passasse num ápice!
    Os momentos bons eternizam-se através das boas lembranças, e aí temos a sensação de que a ampulheta parou mesmo...

    Bom fim de semana, minha amiga. Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Ola Marilu,
    E a vida é já em si uma ampulheta cujos grãos são feitos de dias...E como a felicidade não existe , mas momentos de felicidade ( penso eu...) então vamos eternizando os dias lindos da nossa existência. Os mais cinzentos, que passem sem nos arrastarem com eles.
    Lindo este poema!
    Abraço, querida amiga

    ResponderExcluir
  5. O tempo é implacável em nossas vidas...beijos de bom sábado pra ti amiga

    ResponderExcluir
  6. Olá Marilu,

    Gostei muito do seu poema.
    O tempo é mesmo assim, umas vezes nunca mais passa e quando há felicidade voa!

    Abraço grande

    ResponderExcluir
  7. Marilu, em seu poema vc fala da vida, em tempos que queremos que a vida pare, mas tem tempo que a gente quer que passe rápido.Me fez fazer uma reflexão de tempos em que eu queria que a vida aparasse, rss, mas muito lindo e profundo seu poema!
    Com carinho
    Hana

    ResponderExcluir
  8. O tempo faz o seu trabalho e vai andando.

    Beijo e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  9. Olá Marilu,
    o desfecho ficou muito bom!
    Desejo que você esteja com a areia da felicidade!
    Um abraço

    ResponderExcluir
  10. Acho que esse foi seu melhor poema! Um bom finzinho de domingo para vc e um ótimo feriado. Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Minha amiga lindo poema. Que as areias da felicidade sejam uma constante da sua vida.
    Bom domingo e uma excelente semana.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  12. Uma bela semana pra ti minha amiga querida,,,muita paz, amor e poesia...beijos e beijos.

    ResponderExcluir
  13. Que a felicidade bata sempre a sua porta amiga, vc merece.

    Uma boa semana para vc.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  14. Marilu amiga
    Se fosse possível "aprisionar a felicidade", estou certo que a amiga não o faria: afinal, sempre que a vida, desfiando esses grãos do tempo, nos permite sentir-la em breves momentos, essa experiência só é plena se partilhada!...
    Belo poema!
    Beijinho
    jc

    ResponderExcluir
  15. Que cada momento seja mágico, beijo Lisette.

    ResponderExcluir